Director: Lázaro Manhiça

O MINISTRO da Justiça sul-africano, Ronald Lamola, já começou a considerar a decisão de extraditar Manuel Chang, ex-ministro das Finanças de Moçambique, detido há quase dois anos em Joanesburgo no chamado caso das dívidas ocultas.

“O Ministro está a considerar neste momento o caso enquanto falamos, não diria exactamente quando as pessoas saberão, mas é definitivamente algo que ele está a considerar enquanto falamos”, disse quinta-feira, 29, Chrispin Phiricitado pela agencia Lusa.

O porta-voz sublinhou que o ministro Ronald Lamola “está a dedicar muita consideração neste momento” à extradição de Manuel Chang, salientando que as autoridades sul-africanas estão também a processar um “pedido de assistência” submetido recentemente por via diplomática pelo Governo moçambicano, que não especificou.

Na mesa do ministro estão dois pedidos de extradição de Chang, um das autoridades moçambicanas e outro dos Estados Unidos.

Manuel Chang, ministro das Finanças entre 2010 e 2015, encontra-se detido na África do Sul desde 29 de Dezembro de 2018, a pedido da Justiça dos EUA, por fraude, corrupção e lavagem de dinheiro numcaso que envolve 2,2 mil milhões de dólares(161,1 mil milhões de meticais).(LUSA)

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction