Director: Júlio Manjate

O PRESIDENTE da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, visitou ontem a Minerva & Continental, num acto surpresa, de total descontracção e sem os habituais protocolos e discursos de praxe.

Grande apreciador de arte e cultura e devorador de livros, neste espaço, recentemente inaugurado, que resulta da fusão do histórico Café Continental e a centenária livraria Minerva, na baixa da cidade de Maputo, o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa “passeou” pelas instalações desta “casa”, apreciou obras de diversos autores nacionais e internacionais, comprou livros de Ivone Soares (Salpicos de Água e Sois; poesia) e de Teodoro Waty (A amarrada chuva de Kamutxhukêti, contos).

Para além de deixar-se fotografar com os clientes deste restaurante e livraria, o estadista português, conhecido como o Presidente da República dos sorrisos, abraços e selfies, confraternizou com os colaboradores da Minerva & Continental e ainda ajudou a servir à mesa pastéis de nata.

Foi um momento hilariante para os clientes e a gestão do espaço, afinal o Presidente da República de Portugal foi lá sem avisar.

Visivelmente emocionado, Vítor Gonçalves, director da Minerva & Continental, disse, em contacto com o “Notícias”, que a ida de Marcelo Rebelo de Sousa a este local teve um sabor de revisitação, tendo em conta que o pai do estadista português, Baltazar Rebelo de Sousa – antigo governador da província ultramarina de Moçambique – ia constantemente à livraria Minerva tomar café com o pintor Malangatana, de quem era amigo.

De repente a sua presença neste local, depois de ter andado pelas ruas da capital do país, com o mesmo à-vontade que o caracteriza, tomou conta de conversas em diversos locais de Maputo, tornando-se num dos assuntos mais comentados nas diferentes redes sociais.

Marcelo Rebelo de Sousa chegou ontem a Maputo para assistir, amanhã, a tomada de posse do seu homólogo, Filipe Nyusi.

Nesta visita, de cinco dias, o estadista português aproveitará para visitar a cidade da Beira, província de Sofala, que em Março do ano 2019 foi seriamente afectado pelo ciclone tropical Idai.

“Está um tempo fabuloso”, comentou Marcelo Rebelo de Sousa, recebido com honras militares pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros de Moçambique, José Pacheco.

“É muito importante estarmos cá neste momento”, referiu aos jornalistas, citado pelo jornal português Expresso, sobre a sua visita, cujo programa contempla outros eventos, sobretudo de cariz cultural, e encontros com a comunidade portuguesa.

De acordo com a publicação lusa, Marcelo destacou as “ligações de fraternidade com Moçambique, que são únicas”, para sublinhar que “a presença de Portugal e o facto de o presidente português ser o único Chefe de Estado dos países-membros da União Europeia” a assistir à posse de Filipe Nyusi, mostra a importância da presença.

Comments

MAIS de 70 artistas, entre bailarinos, músicos, acrobatas e poetas, estarão em palco, no dia 15 de Janeiro corrente, para interpretar o bailado que será apresentado na investidura de Filipe Nyusi ao cargo de Chefe do Estado, naquilo que constitui o seu segundo mandato presidencial.

O elenco tem a direcção artística do conceituado músico e coreógrafo Casimiro Nhusi, um dos fundadores da Companhia Nacional de Canto e Dança (CNCD) e director artístico da NAfro Dance, companhia de canto e dança estabelecida no Canadá.

O bailado vai reflectir os cinco anos do primeiro mandato de governação de Filipe Nyusi. Através da dança, música, poesia e acrobacia, os artistas vão trazer as principais acções, obstáculos que o Presidente teve de enfrentar ao longo do exercício de suas actividades governativas.

Os ensaios já decorrem e são realizados na Casa da Cultura do Alto-Maé, na cidade de Maputo. Os artistas transpiram os corpos, prepararam o espectáculo, ao mínimo detalhe. Para a execução do trabalho, Casimiro Nhusi conta com o auxílio de Emelva Dine, que desempenha o papel de coreógrafa e assistente, e Virgílio Sithole, coreógrafo principal assistente.

Além destes nomes, fazem parte do elenco inúmeros bailarinos, tais como Lulu Sala e Alexandra Matos; os músicos Stewart Sukuma e Xixel Langa; a actriz Cândida Bila, que vai declamar um poema, entre outros.

Os coreógrafos participaram na selecção dos intervenientes no bailado, sendo que Casimiro Nhusi olhou para lista, deu sugestões e depois aprovou. Procurou-se seleccionar os artistas de diferentes grupos para que seja grande a partilha de ideias.

“Temos aqui bailarinos do grupo Hodi, Raízes, Huxene; acrobatas do grupo Circo Wezo, entre outros”, detalhou Virgílio Sithole, que explicou ser gratificante trabalhar com Casimiro Nhusi.

“É um profissional excepcional, trabalhei com ele na Companhia Nacional de Canto e Dança e hoje é muito bom reencontrá-lo neste trabalho”, disse Virgílio Sithole, para quem o bailado é uma oportunidade de trocar experiências, receber e passar o legado para as novas gerações.

Por sua vez, Emelva Dine acrescentou que os ensaios decorrem a bom ritmo.

“Os artistas estão a entregar-se, o que nos dá certeza de que o bailado será um sucesso”, disse a coreógrafa.

A cerimónia de investidura contará com a participação de cerca de três mil pessoas, entre personalidades nacionais e estrangeiras, convidadas para a solene cerimónia.

Vários países e organizações internacionais já confirmaram a sua presença neste acto. Por exemplo, 12 Chefes do Estado e do Governo estrangeiros já confirmaram a presença neste acto, que terá lugar na Praça da Independência, em Maputo.

O programa da cerimónia vai incluir actividades artístico-culturais, desportivas, para além do próprio acto solene de investidura.

Filipe Nyusi vai ao segundo mandato como resultado da sua vitória nas eleições presidenciais de 15 de Outubro passado, onde obteve 73 por cento dos votos.

Comments

A Igreja de Notre Dame de Pariz, França ficou este ano sem a tradicional missa de Natal, pela primeira vez desde a Revolução Francesa (1789-1799), por causa do incêndio de Abril que danificou a catedral de Paris.

A tradicional celebração de Natal mudou-se para outra igreja gótica ao lado do Museu do Louvre, depois de o incêndio de Abril ter consumido o telhado do monumentomedieval e ter feito desabar a torre, prevendo-se que a reconstrução demore vários anos.

As autoridades francesas dizem que a estrutura está muito frágil para permitir a entrada de visitantes em segurança, e que há ainda o risco de intoxicação devido às toneladas de poeira de chumbo libertadas pelas chamas.

As celebrações da véspera e do dia de Natal vão ser realizados na igreja Saint-Germain l'Auxerrois, outrora usada pela realeza francesa. O reitor de Notre Dame, monsenhor Patrick Chauvet, celebra na quarta-feira a missa destinada aos fiéis de Notre Dame, acompanhada por música de coros.

Comments

O Teatro, pintura e gastronomia vão marcar o fim-de-semana cultural na cidade de Maputo, com o espírito natalício já a bater à porta.

Hoje, Gigliola Zacara leva ao palco do Centro Cultural Brasil Moçambique a peça de teatro “O Natal de José e Maria”, da sua autoria.

Segundo a autora, o espectáculo pode ser utilizado para explicar as crianças, adolescentes e jovens o verdadeiro significado das festas de fim de ano, sendo o Natal um dos eventos mais marcantes da época.

A peça retrata o natal de José e Maria, figuras bíblicas,  num diálogo de duas crianças sobre o que cada uma entende sobre a efeméride e o que ele significa.  José acredita que esta é uma época de ganhar e dar presentes enquanto para a Maria o dia 25 de Dezembro se trata de um aniversário de um menino chamado Jesus.

Expor a gastronomia tipicamente moçambicana e contribuir para a melhoria dos hábitos alimentares é um dos objectivos da “Feira Pimentas & Compotas”, que tem lugar hoje, na cidade de Maputo.

O evento tem o objectivo de ampliar as opções alimentares dos moçambicanos e quer atingir tanto a comunidade adepta do vegetarianismo e veganismo, como todo e qualquer público que almeja conhecer e viver experiências relacionadas a essa opção alimentar e filosofia de vida.

Por sua vez, a Fundação Fernando Leite Couto está a exibir a exposição “Tatuagens de Luz”, do artista plástico Português Miguel Levy.

Trata-se de uma mostra que retrata o olhar de um artista preocupado com a confirmação da existência do Outro. “Eu olho para ti, tu existes. Essa bênção nasce da luz que emana dos rostos, dos olhares, dos corpos”, lê-se na nota da exibição.

Comments

O Professor Doutor Teodoro Waty lança esta quinta-feira , às 17.30h, na livraria Minerva&Continental, o livro “A amarrada chuva de Kamutxhuketi”, refere um comunicado a que o Notícias Online teve acesso.

O trabalho que marca a primeira obra literária do autor conta a história de uma viajem com a finalidade de desamarrar a chuva no imaginário povoado de kamutxukêti. “Na linguagem imagética, o povoado de Kamutxuketi torna-se um país nas suas diversas culturas, na moral, educação, justiça, culinária, protocolo, ritos, etc”, disse Teodoro Waty.

O livro de 200 páginas introduz, de acordo com o autor, a escatologia com evidente efeito humorístico além de uma descrição fantasiosa da bonita mulher moçambicana com delicadezas que outras, mesmo assistidas de cosméticos não rivalizam.

Mestre e Doutor pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, Teodoro Waty é autor de diversos livros e artigos jurídicos, de dezenas de propostas legislativas e de mais de cem pareceres.

É regente de Direito Fiscal e Aduaneiro, Direito Financeiro e Finanças Públicas, Direito Económico e de Direito Bancário e de Seguros, na Universidade Eduardo Mondlane e outras universidades.

Nascido em 1956 em Canhavano, Chibuto, província de Gaza, Teodoro Andrade Waty passou pela banca, foi presidente da Assembleia Municipal da Cidade de Maputo e presidente da Comissão dos Assuntos Constitucionais, Direitos Humanos e de Legalidade na Assembleia da República, e é advogado inscrito na Ordem dos Advogados de Moçambique.

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Bento Baloi

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction