Director: Lázaro Manhiça

ELEVAR o nível de arrecadação de receitas próprias, melhorar a qualidade do abastecimento de água, do fornecimento de energia eléctrica, das estradas e do saneamento do meio, constituem alguns dos desafios de Vilankulo, que ontem celebrou o primeiro ano da sua elevação à categoria de cidade.

O presidente do Conselho Municipal de Vilankulo apontou que também tem em vista o aumento da colecta de receitas, através da cobrança do Imposto Predial Autárquico (IPRA) e alargamento da base de contribuintes.

William Tunzine disse que as autoridades têm ainda o desafio de continuar a melhorar a transitabilidade, através de pavimentação e/ou terraplenagem de ruas e garantia do cumprimento das medidas de prevenção da Covid-19, doença que tem um impacto muito alto sobre Vilankulo, cidade essencialmente turística.

Tunzine recordou que por ocasião da tomada de posse, o elenco que dirige elegeu o turismo como a bandeira do desenvolvimento local e prometeu tornar Vilankulo num destino preferencial.

“Eis que no ano passado fomos classificados como o primeiro destino turístico a nível do continente africano. Este é um motivo de orgulho e esperança para os munícipes, aos quais agradecemos pelo saber cultural e hospitalidade”, disse.

Entre as realizações, apontou que foram formados 80 munícipes em restauração, bar, recepção e cozinha, em parceria com a Direcção Provincial de Cultura e Turismo de Inhambane e do Instituto Nacional de Turismo (INATUR).

Houve ainda inspecções nas unidades do sector, visando garantir que funcionam dentro das normas e contribuem para atrair o turismo doméstico e internacional.

Foram também emitidas 36 licenças de autorização de exercício de actividades económicas que geraram 441 novos postos de emprego.

Face à ameaça da erosão, foram plantadas 150 mudas de mangal em zonas críticas como Mangalisse e Chibuene.

Na componente de estradas, a autarquia pavimentou quatro quilómetros e terraplanou outros cinco, o que facilita a circulação de citadinos e turistas.

Houve melhoria no abastecimento de água, elevando a cobertura para 80 por cento dos cerca de 70 mil citadinos.

Com a ampliação da subestação de energia eléctrica espera-se, a partir deste ano, a ligação de cinco mil novos consumidores, o que fará com que a urbe tenha uma cobertura na ordem de 70 por cento.

Vilankulo ascendeu à categoria de cidade juntamente com Moatize, em Tete.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction