PHC

Director: Lázaro Manhiça

O MINISTRO dos Recursos Minerais e Energia moçambicano, Max Tonela, lança esta quinta-feira (10),em Cuamba, província de Niassa, a primeira pedra para construção de uma central solar, disse ontem fonte governamental à Lusa.

A infra-estrutura, orçada em 32 milhões de dólares (1,9 mil milhões de meticais)  terá uma capacidade de 15 megawatts e vai canalizar a energia eléctrica produzida para a rede nacional.

O empreendimento resulta de um financiamento do fundo Emerging Africa Infrastructure, instituição financeira internacional.

“A construção da central solar de Cuamba é mais um passo que o país dá para reforçar a produção de electricidade a partir de fontes renováveis”, referiu a fonte.

A central será a terceira de “grande escala” projectada no país (ou seja, com capacidade para a produção de um mínimo de 15 megawatts a partir de fonte solar), depois da entrada em funcionamento de uma infrae-strutura que gera 40 megawatts em Mocuba, na província da Zambézia,  e do lançamento da primeira pedra no distrito de Metoro, na província de Cabo Delgado,  em Agosto de 2020.

“Estas iniciativas traduzem a seriedade do Governo moçambicano na aposta nas energias limpas”, acrescentou.

As obras da central solar de Cuamba vão durar 12 meses e irão gerar 100 postos de trabalho durante a construção e dez na fase de operação.

A estrutura será operada pela Electricidade de Moçambique (EDM) e pelas empresas internacionais Globeleq e Source Energy. 

 

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction