Director: Lázaro Manhiça

A OPERADORA de telefonia móvel Vodacom Moçambique garante que dentro de uma semana poderá restabelecer, de forma provisória, a comunicação com a vila-sede do Mocímboa da Praia, em Cabo Delgado.

O restabelecimento da comunicação ocorrerá um ano depois da sua interrupção, devido a vandalização do equipamento protagonizada pelos terroristas.

Falando semana passada a jornalista, o representante desta operadora, Kali Kaletz, esclareceu que o restabelecimento do serviço tem em vista, entre outros propósitos, facilitar a comunicação entre os membros das Forças de Defesa e Segurança (FDS) de Moçambique e do Ruanda.

Ainda no quadro do apoio às FDS em Cabo Delgado, Kali Kaletz disse ter reposto uma electrobomba que está já a assegurar o abastecimento de água potável às tropas que garantem a segurança na vila de Mocímboa da Praia. -RM

 

Comments

A OPERADORA de telefonia móvel Vodacom Moçambique garante que dentro de uma semana poderá restabelecer, de forma provisória, a comunicação com a vila-sede do Mocímboa da Praia, em Cabo Delgado.

O restabelecimento da comunicação ocorrerá um ano depois da sua interrupção, devido a vandalização do equipamento protagonizada pelos terroristas.

Falando semana passada a jornalista, o representante desta operadora, Kali Kaletz, esclareceu que o restabelecimento do serviço tem em vista, entre outros propósitos, facilitar a comunicação entre os membros das Forças de Defesa e Segurança (FDS) de Moçambique e do Ruanda.

Ainda no quadro do apoio às FDS em Cabo Delgado, Kali Kaletz disse ter reposto uma electrobomba que está já a assegurar o abastecimento de água potável às tropas que garantem a segurança na vila de Mocímboa da Praia. -RM

 

Comments

AS províncias de Inhambane, Manica, Sofala e Zambézia poderão ser fustigadas, a partir da tarde de hoje, por ventos fortes acompanhados por chuva fraca a moderada, enquanto Maputo e Gaza estão, desde ontem, sob influencia do fenómeno, com temperaturas entre 18 e 20 graus Celsius.

O Instituto Nacional de Meteorologia (INAM) diz que nas províncias indicadas, o mau tempo pode provocar queda acentuada da temperatura.

O meteorologista Acácio Tembe explicou que na zona costeira das províncias de Inhambane e Sofala os ventos fortes podem atingir sessenta quilómetros por hora.

O INAM prevê ainda, que nas províncias do Sul do país, as temperaturas vão continuar baixas, durante o fim-de-semana, com valores a oscilarem entre os 21 e 22 graus centígrados

Segundo o meteorologista Acácio Tembe a descida da temperatura e os ventos fortes se devem a passagem de um sistema frontal frio e activo.

Comments

MAIS de mil hectares foram devastadas pelo incêndio que deflagrou ontem na Ponta Mamoli, destruindo a biodiversidade daquela área protecção ambiental, localizada no distrito de Matutuine, província de Maputo.

De acordo com Juliana (Júlia) Mwito, administradora do distrito, o incêndio já foi estancado, e hoje se faz o rescaldo e ao mesmo que decorre a avaliação dos prejuízos.

Mwito avançou que os danos são incalculáveis na biodiversidade e no meio ambiente. São necessários vários anos para recuperar as extensas áreas ardidas.

“As comunidades escaparam à fúria do fogo. As queimadas descontroladas são um crime punível por lei, por isso, apelamos aos cidadãos para que não façam incêndios, principalmente nas zonas protegidas”, sublinhou.

Comments

FOI debelado o incêndio que deflagrou na tarde de ontem na Ponta Mamoli, no distrito de Matutuíne, província de Maputo, informou hoje (13) ao “Notícias”, Luís Buchir, administrador da Área de Protecção Ambiental (APA) de Maputo.

Num breve contacto telefónico, Buchir garantiu que não houve registo de vítimas humanas, embora tenham ardido três casas de construção precária.

Ainda são desconhecidas as origens do incêndio, que atingiu áreas não habitadas, mas suspeita-se que alguma comunidade tenha tentado afugentar répteis com fogo que, entretanto, cresceu devido aos ventos.

“O incêndio teve início às 13 horas de ontem (12) e foi debelado por volta das 3:00 da madrugada de hoje. Foi um grande combate. A comunidade foi mobilizada para o trabalho coordenado entre as administrações da área e do distrito de Matutuine”, disse Luís Buchir, segundo o qual a chuva que caiu na área deu um grande ajuda para a extinção do incêndio.

O administrador da APA explicou que a zona atingida é de difícil acesso por viatura, por isso a comunidade teve maior colaboração para evitar a destruição de infra-estruturas públicas e privadas.

“Neste momento há equipas no terreno a fazer o levantamento dos prejuízos nas comunidades e ao meio ambiente, bem como quantificar as áreas atingidas pelo fogo”, avançou.

A Área de Protecção Ambiental possui 600 mil hectares e inclui a Reserva Especial de Maputo e as Reservas Marinhas da Ponta de Ouro e de Inhaca.

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction